Liliane Valenga - Castro (Brasile).

Um ideal que continua...!
Há  215  anos ,na Itália, de dois corações  mas com o mesmo ideal nasce uma Congregação... “A Congregação das Escolas de Caridade, Instituto Cavanis”. Duas vidas com uma só missão que deixaram uma marca profunda nesta terra.
E em 28 de dezembro de 1968 iniciou  no Brasil a integração e expansão missionária dos Padres Cavanis. Fora escolhida a cidade de Castro no Paraná, para instalar-se a primeira comunidade Cavanis no país. Depois disso  a chama se propagou pelo mundo  e  o exercício do carisma-missão, herdados dos nossos veneráveis Fundadores Padres Antônio e Marcos Cavanis, continua se realizando  até  hoje através das obras e atividades educativas, levadas adiante com a dedicação  incondicional dos religiosos Cavanis e com a ajuda  dos leigos. Uma destas obras teve início no ano de  2005  em Kinshasa no Congo.  Após o Encontro que tivemos em julho de 2016  em Castro, sentimo-nos profundamente tocados e impulsionados a realizar um gesto concreto de amor ao próximo numa verdadeira corrente do bem. Decidimos estender a mão e  abraçamos este Projeto de Amor , “Entra na Alegria da Missão Cavanis” - “Adoção à distância” que foi trazido ao  Brasil no ano de 2013. Compreendemos que o amor ao próximo deve ser primeiramente coroado pelo amor a Deus, colocando-O no centro de todo e qualquer ato fraterno. Movidos pelo  sentimento do amor verdadeiro e num mesmo ideal hoje somamos 83 padrinhos com 90 crianças adotadas na cidade “Berço da Congregação Cavanis” continuando  dispostos em nosso meio encontrar sempre novos padrinhos. Pessoas comprometidas com um mundo melhor, através do Carisma Cavanis.
Enquanto houver um sorriso de criança, uma flor desabrochando e um alento para aliviar os corações sofridos, a vida será mais amena e existirá esperança de dias melhores. “A caridade é paciente, a caridade é bondosa. Não tem inveja. A caridade não é orgulhosa. Não é arrogante. Nem escandalosa. Não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não guarda rancor. Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade. Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta”. Que  Deus, em sua compaixão, em seu amor, em sua caridade, abençoe a cada um, para que possam ser firmes e perseverantes.  

Liliane


Rosa Gomes de Lara - Castro (Brasile).

Liliane,

Hoje venho te agradecer pela honra de ter me convidado para ser madrinha de uma dessas criancas.  Quero que saiba o quanto te admiro por essa ação voluntaria que faz com tanto amor, porque vivemos em um mundo onde cada vez mais vale a regra do "cada um por si, Deus por todos", pode parecer estranho, mas ainda existem sim aqueles que conseguem fazer a diferença por livre e espontânea vontade e sem esperar nada em troca! Que Deus te abençoe e que te de forças para continuar com esse lindo trabalho de ajudar essas crianças que não tinham esperança nenhuma e que agora com pessoas guiadas por Deus como vc,  o mundo delas começa a ter um novo sentido, com certeza um novo horizonte elas conseguem enxergar agora. Parabéns! 

 

Rosa G. de Lara

Mauricio e Cristiana Fadel - Castro (Brasile).

Nos sentimos muito feliz e recompensados por poder participar de uma missão tão especial como essa. Conheço Pe. Piero há muitos anos e admiro muito sua fé, sua coragem e principalmente o amor imenso que ele tem em seu coração. Receber a foto da minha afilhada Vuvu, foi tão gratificante que a vontade é de trazê-la pra um convívio mais próximo. É tão bom saber que com tão pouco conseguimos fazer pessoas felizes. Que Deus abençoe todos vocês, e podem contar conosco sempre.

 

Maurício e Cristiane Fadel


Marcos e Lucia Telles - Castro (Brasile).

 Quando recebemos o convite para sermos padrinhos de crianças no Congo, o Marcos e eu, a princípio, pensamos "por que apadrinhar de tão longe, se temos tanta criança necessitada aqui!" Mas depois, ouvindo as palavras do nosso querido amigo Padre Piero sobre a Missão Cavanis, vimos que nesse momento estão direcionando novos esforços para a África, como já o fizeram há muitos anos atrás quando vieram com a missão para o Brasil, até chegar à nossa cidade, onde até hoje continuam com o lindo trabalho de evangelizar e cuidar de crianças carentes! É por isso, que com muita alegria, sentimos no coração o desejo de "adotar" 3 crianças: Marie Banza, Isaac Andalu M Fumu e Daniella Balima Bobondo. E chamamos nossos 3 filhos, noras e genro a também adotarem mais 6 crianças, no desejo que todas elas tenham condições de estudo e uma vida digna, com muito amor e aprendam a viver a fé! Na verdade, se cada um de nós fizer uma pequena parte, juntos alcançaremos o objetivo maior! E a  certeza que essas crianças estão sendo bem cuidadas e guiadas pelos padres e missionários Cavanis, nos dá muita alegria e esperança de um mundo mais humano e feliz!

Lucia Helena Goedert Telles


Alessandro e Maria Margarida da Silva Kremer - Castro (Brasile).

Quando assisti ao vídeo sobre a adoção a distância e conheci o projeto fiquei muito emocionada . É sabido que as condições de vida em vários países da África são muito precárias e saber que algo está sendo feito para melhorar essa situação e permitir sobretudo que tantas crianças possam ter perspectivas de futuro traz mais esperança para a vida da gente. Se podemos ajudar  então , é quase uma obrigação fazer isso. Por esse motivo bem depressa decidi adotar uma criança. E fiquei muito ansiosa para conhecer o rostinho dela. Foi maravilhoso quando recebi o e-mail com a foto de Munanga Kaåmonji, a minha afilhada. Imprimi imediatamente e guardei com carinho. Rezo sempre por ela, para que Deus ilumine seu caminho e esteja a seu lado em todas as situações. E também pelas pessoas que trabalham dia a dia com todas as crianças , pelos padres Cavanis que tem esse importante carisma de amar e fazer crescer crianças e jovens. Que Deus abençoe esse maravilhoso trabalho, que não faltem recursos, que possa ampliar-se cada vez mais e fazer acender a chama do Amor Divino em muitos corações!

 Maria Margarida da Silva Kremer


Sandra e Edson Fadel- Castro (Brasile).

Há  poucos meses recebi um convite que aceitei, mas num primeiro momento não tive a clareza de quanto este gesto iria me emocionar. Um casal me chamou para fazer parte da Missão Cavanis, auxiliar uma criança que mora lá tão distante, na África, na República Democrática do Congo.

Quando recebi a foto da minha afilhada me senti muito emocionada e totalmente envolvida por uma linda menininha de olhos espertos e sorriso aberto, que provavelmente já viveu muitos dissabores para sua pouca idade. Me senti pequena diante do muito que precisa ser feito pelos povos africanos, despojados de seus direitos básicos ao longo dos séculos de sua História.

Contudo a Missão Cavanis está me proporcionando a chance de fazer pelo menos um pouquinho por eles, além de estarem sempre presentes em minhas orações.

Para concluir esse breve depoimento, onde muito ainda poderia ser dito, cito o grande pensador Joseph Ratzinger –  Bento XVI

“Vivendo e atuando assim dar-nos-emos conta rapidamente que é muito mais belo ser úteis e estar à disposição dos outros do que preocupar-nos somente com as comodidades que nos são oferecidas”.

 Abraço fraterno

Sandra Fadel


Eduardo M. Gomes e Jussara L. Gomes - Castro (Brasile).

Gratidão é o sentimento que define o que senti ao receber a foto do meu querido afilhadinho do Congo. Gratidão aos amigos que me apresentaram esse lindo projeto. Gratidão pela acolhida de todos os envolvidos no projeto.  Gratidão a Deus por me ensinar como amar mais ao próximo.

 

Jussara Lopes Gomes


Ana Carolina e Gilberto Kachinski - Castro (Brasile).

Desde que soubemos da possibilidade em adotarmos uma criança do Congo, ficamos muito interessados....seria uma pequena forma, porém correta de podermos fazer algo  de útil por estas crianças que tanto necessitam e tão pouco recebem...Fomos convidados e prontamente aceitamos...e desde então , à cada mês, ao depositar aquele valor, para nós tão pequeno, mas que para eles ,faz tanta diferença, confesso que meu coração se enche de alegria e esperança, ao saber que estou ajudando uma criança a ter refeições balanceadas, estudos e roupas.. Que Deus abençoe todas as pessoas que  tiveram esta iniciativa e que muitos e muitos mais padrinhos façam adesão à esta maravilhosa Missão Cavanis no Congo...Eu de minha parte, continuo convidando mais e mais padrinhos, pois  minha vida muito mudou após ter aderido à esta Missão... e tomara que nossa Missão só cresça à cada dia mais...Deus abençoe à todos os envolvidos...!

 

 Ana Carolina e Gilberto Kachinski


Luiz Carlos Costa e Marisa Peruzzaro Costa  - Castro (Brasile).

Nesse mundo cheio de dificuldades aonde as pessoas pensam só em si, querem tirar proveito de tudo, esquecendo das pessoas carentes, deixam as crianças perecerem na miséria se esquecendo que são nossos irmãos.

Nós como cristãos devemos ajudar. Quando fomos convidados nos tocou o coração e sentimos um enorme prazer e grande alegria em poder ajudar um pouco. Gostaríamos de poder fazer mais, mas no momento não é possível. Talvez futuramente consigamos adotar mais crianças.

Quando recebemos a foto da nossa afilhada nos sentimos emocionados e agradecidos a Deus por poder fazer parte desse maravilhoso projeto.

Quando fazemos algo por alguém, estamos fazendo diretamente para Jesus e agradecendo por tudo que faz por nós.

 

 Luiz Carlos Costa e Marisa Peruzzaro Costa